Quarta-feira, 14 de Setembro de 2005

Obrigada

(Img. de www.eudoniacademy.org)

Lentamente, saltitando nas nossas recordações, aproximo-me. Revejo as minhas correrias infatigáveis à tua volta e a tua paciência até que, cansada, eu adormecia no teu colo. Revivo, quando orgulhosa de ti, esticava o meu bracito tentando conseguir que reparassem que eu andava passeando com o meu pai de braço dado : "Este é o meu pai!" Aproximo-me mais...já vou relembrando o dia em que te disse : "Venho à nossa casa todos os dias, continua tudo na mesma, é só uma pequena diferença" e a tua lágrima a espreitar... "Pai não vou para tão longe assim..." Aproximo-me mais... ainda não podes ver-me... "Olá, pai, sou eu" E o teu rosto se ilumina e no teu olhar quase inerte vejo a mesma compreensão, o mesmo amor, a mesma ternura...
Irá ser sempre assim enquanto permanecermos e depois de sermos.

(Parabéns pai)

Escrevinhado por gaivota da ria às 01:46
| Quer Comentar?
|
25 comentários:
De a 22 de Setembro de 2005 às 22:58
Olá gaivota - O carinho que há dentro de nós destina-se a todos aqueles que nos querem bem, é para eles que fazemos essa distribuição,porque nos dão a sua atenção e estão connosco em todas as circunstâncias, feliz a ideia que tiveste. Acho que já sei de quem vais falar a seguir! Beijinhos. Eros
(http://.../...)
(mailto:cabritac@hotmail.com)
De a 22 de Setembro de 2005 às 02:35
...obrigada, querida. Boa noite, minha gaivota linda.mocho
(http://barrocodomocho.blogs.sapo.pt)
(mailto:barrocodomocho@sapo.pt)
De a 22 de Setembro de 2005 às 01:23
Minha Gaivotinha linda...que saudades! Lembrei-me tanto de ti nas férias. E então no maldito avião???? Brrrr..., que sufoco! Olha, que bonito texto aqui tens. Sabes, tambem adoro o meu pai. Sempre me acompanhou, sempre me perdoou, sempre esteve ao meu lado. Sempre. Parabens a vocês os dois. És uma querida.mocho
(http://barrocodomocho.blogs.sapo.pt)
(mailto:barrocodomocho@sapo.pt)
De a 21 de Setembro de 2005 às 22:45
Linda Gaivota... vim deixar um Bj Vagabundo.vagabundo
(http://assimfalouzaratrusta.blogpot.com)
(mailto:sydvicius@hotmail.com)
De a 20 de Setembro de 2005 às 21:12
Bela as palavras que dedicas ao teu pai. Parabéns a ele, mesmo que atrasados. Bjscuriosa paixao
(http://curiosapaixao.blogs.sapo.pt/)
(mailto:curiosa-paixao@sapo.pt)
De a 20 de Setembro de 2005 às 20:33
Parabéns ao teu pai e a ti, por o homenageares desta forma! JinhosPerfect Woman
(http://perfectwoman.blogs.sapo.pt/)
(mailto:perfect_woman63@sapo.pt)
De a 20 de Setembro de 2005 às 13:55
Embora com algum atraso, deixo um beijo a ambos.IsabelFilipe
(http://isabelfilipeartdesign.blogspot.com/)
(mailto:isabelfilipe1955@yahoo.com.br)
De a 19 de Setembro de 2005 às 10:07
Vim desejar uma boa semana miguinha. bjinhobitu
(http://bitu.blogs.sapo.pt)
(mailto:bitu_52@sapo.pt)
De a 18 de Setembro de 2005 às 15:09
Bela homenagem, gostei imenso.
A musica que tens agora tambem é lindissima!
Beijinho*Ana
(http://www.theheartofamusician.blogspot.com)
(mailto:anatojal@hotmail.com)
De a 18 de Setembro de 2005 às 00:59
Parabéns por esse doce de palavras que nos ofereces, ao oferecê-las ao teu Pai, que está de parabéns também e, por ter uma filha como tu demonstras ser. Um abraço terno e bom fim de semana :)Menina_marota
(http://meninamarota.blogspot.com)
(mailto:Menina_marota@sapo.pt)

Comentar post


◊◊◊ ver perfil

◊◊◊ seguir perfil

◊◊◊ A minha velha ria...

◊◊◊ arquivos

◊◊◊ Abril 2007

◊◊◊ Março 2007

◊◊◊ Fevereiro 2007

◊◊◊ Janeiro 2007

◊◊◊ Dezembro 2006

◊◊◊ Novembro 2006

◊◊◊ Outubro 2006

◊◊◊ Setembro 2006

◊◊◊ Agosto 2006

◊◊◊ Julho 2006

◊◊◊ Junho 2006

◊◊◊ Maio 2006

◊◊◊ Abril 2006

◊◊◊ Março 2006

◊◊◊ Fevereiro 2006

◊◊◊ Janeiro 2006

◊◊◊ Dezembro 2005

◊◊◊ Novembro 2005

◊◊◊ Outubro 2005

◊◊◊ Setembro 2005

◊◊◊ Agosto 2005

◊◊◊ Julho 2005

◊◊◊ Junho 2005

◊◊◊ Maio 2005

◊◊◊ Abril 2005


◊◊◊ Voos recentes

◊◊◊ Dois anos depois...

◊◊◊ Cansaço...

◊◊◊ Agora "semos" all-garvios...

◊◊◊ Nós, as mulheres...

◊◊◊ "Etiqueta" no gato

◊◊◊ Com o meu silêncio...

◊◊◊ Sentir assim...

◊◊◊ Praga acorrentada

◊◊◊ Três anos apenas...

◊◊◊ Bom Ano Novo

Obrigada Sofia pela atribuição deste prémio: