Sexta-feira, 13 de Abril de 2007

Dois anos depois...

 

Em Abril de 2005 criei este blogue simples, como eu muitas vezes disse, escrito com letra pequena. Escrevi coisas sentidas, relatei episódios de menina e moça, brinquei aos saldos, escrevi uma carta ao irresistível chocolate, enfim, tudo à volta de uma «gaivota» que voou sobre a sua ria e mais além noutras rias, noutros mares onde comentou, onde falou com o coração, onde brincou, onde agradeceu a simpatia de quem está frente a um monitor, tão longe e tão perto...

Aqui na minha ria virtual soltei muitas gargalhadas, e algumas lágrimas...

Tal como o faço  na minha Ria Formosa, que ouve tantas vezes o meu silêncio quantas as vezes que testemunhou a minha felicidade...

Como vêem, hoje, eu não poderia deixar de falar na minha Ria, a real, a Ria Formosa que me inspirou no momento de escolher o nome do blogue e do nick .

Mas apesar de ter amado muito do que aqui escrevi não me sinto incentivada a continuar o blogue e isso tem sido cada vez mais notório...

Quanto às minhas rimas e outras brincadeiras tais, não vão dizer que acreditaram?! Foram uma desculpa para vos dizer: estou aqui, quero conversar com vocês nem que seja a brincar com rimas baratas!

Sei que não me enganei acerca de algumas pessoas que me acompanharam durante estes dois anos, é a "tal" empatia de que é gratificante  conhecer-lhe o significado (espero que me continuem a dar o prazer da vossa amizade) assim como outras pessoas que tendo blogues ou não, conheceram o meu há menos tempo. Obrigada pelas palavras deixadas aqui, obrigada pela simpatia.

Fico por aqui, em Abril de 2007. Até sempre!

 

só tu, eu e a nossa ria...

(img. retirada da Internet)

Escrevinhado por gaivota da ria às 23:58
| Quer Comentar?
|
58 comentários:
De tron a 14 de Abril de 2007 às 22:38
parabéns e continua
De Moinante a 15 de Abril de 2007 às 16:42
Isto é um adeus ou estarei enganado ...
É para continuar minha menina , ai ai ...

Votos de um bom domingo ...

De Andesman a 15 de Abril de 2007 às 19:11
Então Fernanda Capelo Gaivota cansaste-te deste «voo» e vais abandonar-nos assim sem dó nem piedade? qualquer dia além de pirata sinto um ET abandonado nestas andanças. Primeiro foi a Mochinha, agora tu. O Castor pôs aqueles malditos "tapumes" no seu Dique, o Miscaro relaxou-se e não escreve nada. Será que tem medo do Sócrates? E quem disse que um blog não pode ultrapassar dois anitos de existência? Se assim for, está perto o fim do A MIM NINGUÉM ME CALA. Felicidades acompanhem sempre o teu voo nos céus por onde andares. Jinhos
De delta a 16 de Abril de 2007 às 02:46
Apesar de tudo aquilo que escreveste devo dar-te os meus sinceros parabéns pelo blog, por tudo aquilo que partilhaste connosco... ao longo destes dois anos.
Como o tempo voa...aqui mais depressa que em qualquer outro lugar. Chegaste um dia de mansinho e, aos poucos, criaste o teu próprio espaço.

Já um dia me despedi de uma gaivota. Devia ter os meus 14, 15 anos...Uma gaivota que eu recolhi em dia de tempestade...permaneceu comigo durante algum tempo mas...depois...depois chegou a hora de ela partir...libertei-a e fiquei a olhar para ela...ali nos céus era o seu lugar...que inveja eu não ter também asas para voar...

Quanto às empatias...elas existem mesmo! Apesar da distância que nos separa, mais de 300 Km, nada nos impede de continuarmos a falar de vez em quando. No msn onde tantas vezes brincámos e rimos de coisas sem nexo...(das piscadelas e dos air-bags ) ou mesmo através do tlm...São amizades que começam aqui e conseguem ir para além do virtual...No verão, uma gaivota e uma gata ficarão "frente a frente" Esse encontro vai ficar na história...


O que mais posso acrescentar?...



Que continues a voar... com essas tuas asas de vento e coração de mar!





Beijinho e tudo de bom!


De maresia-mar a 16 de Abril de 2007 às 12:16
Oh minha gaivota predilecta.. então como vai ser a minha praia sem a minha gaivota preferida???
Mas, oh como te compreendo, tenho andando mais ao menos com o mesmo dilema, a vida é assim mesmo, é feita de mudanças, de começos, de fins e de até jás.. eu prefiro este último... que a gaivota voe livre, sem rumo certo, mas que volte sempre aquela praia tão especial..
Eu adorei "conhecer-te" és e serás sempre a minha gaivota predilecta!
Bjhs e sê feliz
De delta a 16 de Abril de 2007 às 14:49
Esta era a prendinha que eu tinha para ti no meu blog...mas resolvi vir entregar pessoalmente.



http://delta4.no.sapo.pt/gaivota.html




De ciloca a 16 de Abril de 2007 às 22:36

Faço minhas as palavras do nosso amigo comum Andesman "Então ....Querida Gaivota cansaste-te deste «voo» e vais abandonar-nos assim sem dó nem piedade? qualquer dia além de pirata sinto um ET abandonado nestas andanças. Primeiro foi a Mochinha, agora tu. O Castor pôs aqueles malditos "tapumes" no seu Dique, o Miscaro relaxou-se e não escreve nada. Será que tem medo do Sócrates? E quem disse que um blog não pode ultrapassar dois anitos de existência? ....Felicidades acompanhem sempre o teu voo nos céus por onde andares. "
Eu entendo o teu cançasso mas podes regressar de vaz em quando, até que a boa energia te regresse e voltes, voltes aos teus bons dias.Jinhos
De padeiradealjubarrota a 17 de Abril de 2007 às 01:41
É pena!...aguardemos novas marés...novas primaveras...
De jpcfilho a 17 de Abril de 2007 às 09:29
Querida e linda Gaivotinha, que papo é esse afinal? Estarias te despedindo de teus amigos? Má isso num pode, depois de tantas juras de amor eterno?
Tenho certeza que conheces a história do " Pequeno Príncipe", pois é, despois de cativares a gente, tens responsbalidades conosco, que de ti precisamos....Todos os beijos
De marius70 a 17 de Abril de 2007 às 19:53
Gaivota da Ria cansada
De mares e terras voar
Rasa a crista da vaga
Pra numa varanda poisar

Daí desfruta a paisagem
Esquece dores sentidas
Ganha forças pra nova viagem
Ganha forças pra novas partidas

E num golpe de asa então
Da varanda vai de repente
Voar em nova direcção
Gaivota, tudo de bom... Sempre!

Marius70
De meiadesfeita a 27 de Junho de 2007 às 16:17
Vim dar uma bicada ternurenta na gaivota, a ver se ela não abala paran outro polo,,,,um beibo fica sepre bem, mesmo que seja imaginado, debaixo do fado da cerejeira
De isa&luis a 27 de Setembro de 2007 às 10:22
Olá Gaivota linda:))

Sexta feira o virtualrealidade está em festa(dois anos de felicidade) vem participar da nossa alegria.

Beijinhos

Isa

Comentar post


◊◊◊ ver perfil

◊◊◊ seguir perfil

◊◊◊ A minha velha ria...

◊◊◊ arquivos

◊◊◊ Abril 2007

◊◊◊ Março 2007

◊◊◊ Fevereiro 2007

◊◊◊ Janeiro 2007

◊◊◊ Dezembro 2006

◊◊◊ Novembro 2006

◊◊◊ Outubro 2006

◊◊◊ Setembro 2006

◊◊◊ Agosto 2006

◊◊◊ Julho 2006

◊◊◊ Junho 2006

◊◊◊ Maio 2006

◊◊◊ Abril 2006

◊◊◊ Março 2006

◊◊◊ Fevereiro 2006

◊◊◊ Janeiro 2006

◊◊◊ Dezembro 2005

◊◊◊ Novembro 2005

◊◊◊ Outubro 2005

◊◊◊ Setembro 2005

◊◊◊ Agosto 2005

◊◊◊ Julho 2005

◊◊◊ Junho 2005

◊◊◊ Maio 2005

◊◊◊ Abril 2005


◊◊◊ Voos recentes

◊◊◊ Dois anos depois...

◊◊◊ Cansaço...

◊◊◊ Agora "semos" all-garvios...

◊◊◊ Nós, as mulheres...

◊◊◊ "Etiqueta" no gato

◊◊◊ Com o meu silêncio...

◊◊◊ Sentir assim...

◊◊◊ Praga acorrentada

◊◊◊ Três anos apenas...

◊◊◊ Bom Ano Novo

Obrigada Sofia pela atribuição deste prémio: