De ciloca a 29 de Maio de 2006 às 20:04
Que beleza de poema. Também eu me sinto feliz junto á imensidão do céu e do mar, e quero tocar nas gaivotas ou voar sobre o mar como elas, mas uma couisa eu nao sei : escrever assim um poema de fim de tarde. Bjs
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres